Em Assembleia, trabalhadores da Estácio encontram contraproposta de reajuste salarial

A assembleia dos trabalhadores da Estácio aconteceu na manhã da última quinta-feira (08) com o objetivo de discutir os Acordos Coletivos de Trabalho – ACT de 2020 e de 2021, já que a proposta de reajuste apresentada pela instituição era muito abaixo do esperado pelos trabalhadores.

Houve, anteriormente, outras negociações sem avanço entre o Sintep e a Estácio, então, a fim de encontrar a melhor proposta, o sindicato convocou a categoria para avaliar o melhor caminho para ambas as partes, considerando o momento pandêmico como dificultor para todos.

“Não podemos radicalizar, é preciso dialogar. Esperamos que a instituição possa compreender os anseios da categoria, especialmente nesse momento de pandemia, que é ruim para todos”, afirmou Dilson Tenório, presidente do Sintep. O sindicalista afirma que a proposta feita pelo patronal é irrisória e que a categoria não pode concordar, pois não confere um reajuste salarial digno.

Apesar da Reforma Trabalhista ter como objetivo, deslegitimar cada vez mais a voz do trabalhador através do enfraquecimento dos sindicatos, situações como essas enfrentadas pela categoria, ajudam a ilustrar a importância da unidade do trabalhador na defesa de seus direitos. Por isso, Dilson afirma a necessidade de “fortalecer o sindicato para que possamos trazer um reajuste digno, que satisfaça o trabalhador no exercício de suas tarefas”.

Dilson afirma ainda que a assembleia saiu com uma contraproposta para apresentar, e que no dia 15 de abril, o sindicato vai participar de uma reunião com a Superintendência Regional do Trabalho de Alagoas para a análise.

Diga-nos O que você pensa
0Like0Love0Haha0Wow0Sad0Angry

0 Comentário

Deixe um comentário